Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis

 





Os animais são os melhores amigos do homem infelizmente o contrário não é verdade.... e ainda assim eles amam-nos incondicionalmente.


Total de visitas: 9823
O LUKA

Entrada em cena a 11 de Janeiro de 2009.

(Instruções de leitura com som de Luka... tenho a boca um bocado cheia de favas e ainda por cima sou sopinha de massa e a minha voz é grossa e baixa... difícil não é? eu tambem acho....)

LUKA o cão que na maioria das vezes não percebe....

Não percebo, trouxeram-me praqui, não se está nada mal mas há coisas que não percebo. Vistas as coisas do ponto de vista da minha mãe isto não tem sido nada fácil. E na maior parte das vezes eu não percebo porquê. Acho que a minha mãe não me entende. Desde que aqui cheguei que lhe tento explicar que os gatos são para se correr atrás…ela não concorda. E foi a primeira coisa que fiz assim que me deixaram à solta neste sítio simpático onde nunca me ralei nada de estar. Ainda assim ela não percebeu. Depois foram as plantas eu acho que tenho costela de paisagista INcompreendido, toda a gente sabe que depois de grandes alterações num jardim isso acorda a veia paisagista de qualquer cão que se preze, se a minha mãe arranca coisas do jardim, eu, como um fiel cão paisagista só tenho mais é que ajudar e arranco coisas, pois olhem que ela nunca me agradece, não percebo, ainda no outro dia estava a trepadeira cor-de-rosa, a das traseiras, mesmo a precisar de ser podada, via-se bem, a mãe não estava em casa e eu fui-me a ela, que diabo, não tinha nada para fazer entretive-me na jardinagem e podei-a toda, toda, toda, olá, até a arranquei da parede… a mãe ficou furiosa, não percebo…sempre que me dedico à jardinagem tenho sempre cenas com a mãe, deve ser porque não quer que eu suje o casaco, só pode, mas eu não me ralo e já se vê a jardinagem suja sempre um bocadinho. Mas é uma coisa que pelo menos a mim descontrai-me mas à mãe não. As minhas sessões de jardinagem deixam-na sempre muito irritada. Não percebo…Depois ainda há outras cenas, não percebo porque é que não posso arrancar as rodas ao corta relvas quando ela anda com aquela porcaria de um lado para o outro a fazer barulhos irritantes, tão a ver, ela corta a relva e arranca cenas do jardim e ninguém lhe diz nada…, também não percebo porque é que a mãe não gosta que eu utilize a minha prática, larga e grande, e húmida língua para limpar os vidros, não se vê logo que é muito mais eficaz que aqueles panos e cenas que ela usa, e que eu aliás gosto tanto de roubar, desculpem, levar para arrumar noutro sítio... Não percebo porque é que ela não gosta que eu mostre a minha profunda admiração pelas pessoas que me rodeiam, e pelas outras todas, enfim pelo mundo humano em geral, saltando-lhes em cima, beijando-as até lhes arrancar a pele, abraçando-as, saltando sem parar, correndo à volta delas, é certo que abanam um pouco, mas eu, ao contrário da minha mãe estou convencido que é de profundo prazer…

Não percebo....

Criar um Site Grátis   |   Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net